Nunca um dia de outono reuniu tantas cenas diferentes como hoje

Aglomeração de prédios na cidade de Saitama em meio à neblina. Foto: Yomiuri

Aglomeração de prédios na cidade de Saitama em meio à neblina. Foto: Yomiuri

“Houshagiri” é o nome dado em japonês para esses “jatos de neblina”. O fenômeno, registrado em Saitama criou a sensação de uma cidade flutuante, com os modernos edifícios se destacando sobre a neblina.

Em cidades como Hasuda e Saitama, a temperatura na manhã do dia 13 era de 6,8 graus com a umidade relativa do ar em torno de 90% e tempo ensolarado. A neblina interditou temporariamente alguns trechos de estradas e linhas ferroviárias.

O Monte Fuji “embala” a montanha menor, do Lago Fujigoko (Yamanashi). Foto: Mainichi

O Monte Fuji “embala” a montanha menor, do Lago Fujigoko (Yamanashi). Foto: Mainichi

O fenômeno “Kodaki Fuji” (o Fuji que embala a criança) pôde ser visto do Lago Fujigoko, em Yamanashi. Uma neblina se formou entre o Monte Fuji (3.776m) e outro topo da cadeia montanhosa (1.468m), dando a impressão de que a grande montanha embala a menor.

Montanha de Taketa (Oita) coberta pela neve. Foto: Mainichi

Montanha de Taketa (Oita) coberta pela neve. Foto: Mainichi

O inverno chegou também na região Kyushu. A frente fria provocou neve nas montanhas de Oita. A temperatura em Fukuoka essa manhã era de 10,4 graus. O frio deve continuar até o dia 14.

Depósito em Tomakomai (Hokkaido) é derrubado pelos ventos na noite do dia 12. Foto: Sankei

Depósito em Tomakomai (Hokkaido) é derrubado pelos ventos na noite do dia 12. Foto: Sankei

No norte do Japão a frente fria está sendo implacável. A temperatura a 5 mil metros de altura está abaixo dos 30 graus negativos. Previsão de mais frio amanhã. As rajadas de ventos podem chegar a 126 km/h em Hokkaido e Tohoku.

Qual sua estação do ano preferida?

View Results

Carregando ... Carregando ...

Comentários

comentário(s)

Pin It on Pinterest