Trabalhos de resgate no topo do Monte Ontake. Foto: Sankei

Trabalhos de resgate no topo do Monte Ontake. Foto: Sankei

Recomeçam as buscas pelas vítimas no Monte Ontake, localizado entre Nagano e Gifu. Até agora o número de mortos chegou a 12 pessoas. Um total de 24 pessoas estão em estado de parada cardíaca e ainda permanecem no alto da montanha.

O Exército enviou um helicóptero antes das 7h do dia 30 para trasladar as vítimas. Cerca de 20 foram encontradas caídas perto do topo da montanha e do Santuário Ontake.

A maioria das vítimas caiu devido aos ferimentos provocados pelas pedras e foi coberta pelas cinzas, junto com a presença de gases venenosos.

A equipe de resgate é formada por 800 pessoas da Polícia, Bombeiros e Exército.

O número de feridos subiu para 69 pessoas, que estão sendo atendidos em hospitais de Nagano e Gifu. Cerca de 10 pessoas sofreram ferimentos graves ou fraturas devido à chuva de pedras expelidas pelo vulcão. A maioria apresenta problemas respiratórios por aspirar as cinzas vulcânicas ou gases venenosos.

A chuva de pedras alcançou uma área de 500 metros perto da boca do vulcão. As cinzas chegaram a alcançar uma área de 1,5 quilômetro ao redor da montanha.

Comentários

comentário(s)

Pin It on Pinterest