O Tribunal Superior oficializou a pena de morte ao japonês Tomohiro Kato, que matou sete pessoas e feriu outras 10 em uma rua de Akihabara (Tokyo) em 2008.

Cena do crime, no dia 8 de junho de 2008. Foto: livedoor.4.blogimg.jp

Cena do crime, no dia 8 de junho de 2008. Foto: livedoor.4.blogimg.jp

 

O juiz Ryushi Sakurai rejeitou o pedido de apelação apresentado pela defesa de Kato. “O crime foi detalhadamente preparado e o réu tinha clara intenção de matar”, disse o juiz ao prununciar a sentença.

 

Imagens transmitidas pela tevê mostram Kato sendo controlado pelos policiais

Kato é controlado pelos policiais

O crime foi cometido no dia 8 de junho de 2008. Kato tinha 25 anos de idade, quando avançou com um veículo sobre os pedestres, matando três pessoas e ferindo duas. Depois ele desceu do carro e saiu esfaqueando as vítimas, deixando quatro mortos e oito feridos.

 

Tomohiro Kato, condenado à morte

Tomohiro Kato, condenado à morte

Durante a audiência, Kato justificou que queria mostrar sua insatisfação com a sociedade e as pessoas que o atacavam em um chat online. A defesa alegou que Kato não estava em condições normais de sanidade mental na ocasião do ataque.

Comentários

comentário(s)

Pin It on Pinterest