Trabalhos de resgate continuam no dia 21 em Hiroshima. Foto: Sankei

Trabalhos de resgate continuam no dia 21 em Hiroshima. Foto: Sankei

O imperador Akihito cancelou as férias previstas entre os dias 22 e 29 em razão das vítimas dos desmoronamentos em Hiroshima. Akihito e a esposa Michiko planejavam descansar na residência de campo que fica entre Nagano e Gunma. Segundo a Casa Imperial, o casal acompanha com pesar os acontecimentos em Hiroshima.

O número de mortos nos desmoronamentos no bairro Asaminami subiu para 39. Outras sete pessoas continuam desaparecidas.

Os trabalhos de busca continuam no dia 21. Na Polícia de Asaminami, alguns moradores estão sendo chamados para o reconhecimento dos corpos.

Entre as vítimas, os jornais destacaram a morte do bombeiro Noriyoshi Masaoka, de 53 anos, que morreu tentando salvar um menino de 3 anos. Ele carregava a criança no colo, quando foi atingido pela avalanche de terra. O corpo dele e do garoto foram encontrados mais tarde.

Os desmoronamentos foram registrados na madrugada do dia 20, após fortes chuvas (equivalentes a um mês).

Comentários

comentário(s)

Pin It on Pinterest