Hospital Bokuto de Tokyo mostra a área de tratamento possíveis casos de ebola. Foto: Mainichi

Hospital Bokuto de Tokyo mostra a área de tratamento para possíveis casos de ebola. Foto: Mainichi

O Hospital Bokuritsu do Governo Metropolitano de Tokyo, localizado no distrito de Sumida, divulgou à imprensa o centro de tratamento onde são tratados pacientes infectados por vírus extremamente perigosos, como o ebola.

 

Existem no Japão 45 instituições médicas, com um total de 92 camas, aptas para tratar pacientes com nível 1 de risco. O Hospital Bokuritsu é um deles e disponibiliza duas camas especiais.

 

Nessas alas, os funcionários são obrigados a usar roupas protetoras que impedem a exposição da pele. As camas são cobertas por material plástico, dentro de cabine com purificador de ar.

 

O ar é filtrado, de forma que o vírus é removido, assim como a água usada no banheiro. A pressão atmosférica no interior do quarto é controlada para ficar mais baixa e impedir que os vírus se espalhem.

 

O Hospital Bokuto realiza treinamentos mensais para que os médicos e enfemeiros possam se acostumar às roupas especiais. O centro pretende elaborar também um manual para atender os possíveis casos de ebola.

Equipe médica do hospital realiza treinamentos mensais para situações de emergência. Foto cedida pelo Hospital Bokuto

Equipe médica do hospital realiza treinamentos mensais para situações de emergência. Foto cedida pelo Hospital Bokuto

Doenças que podem ser tratadas no Hospital Bokuritsu:

  • Ebola
  • Varíola
  • Febre hemorrágica de Crimeia e Congo
  • Febre hemorrágica da América do Sul
  • Febre de Lassa
  • Vírus de Marburg
  • Peste

Comentários

comentário(s)

Pin It on Pinterest