Escola em Fukuoka, onde 14 pessoas foram socorridas com sintomas de hipertermia. Foto: Mainichi

Escola em Fukuoka, onde 14 pessoas foram socorridas com sintomas de hipertermia. Foto: Mainichi

Hoje foi o dia mais quente do ano no Japão. Em Hita (Oita) a temperatura chegou a 35,6 graus, Tatebayashi (Gunma) 34,7 e Nagoya (Aichi) 33,3 graus.

Segundo a emissora NHK, duas pessoas morreram e pelo menos 233 foram socorridas de ambulância até as 17h, devido ao calor.

Entre as vítimas, uma mulher de 74 anos, que foi socorrida dentro de uma estufa agrícola em Minamiboso (Chiba) e outra mulher de 61 anos encontrada caída no jardim da sua casa em Omitama (Saitama). Ambas não resistiram e morreram no hospital.

Dicas para evitar a hipertermia, segundo o jornal Mainichi:

  • calor2Usar o ar condicionado
  • Monitorar a temperatura do quarto
  • Ingerir líquido com frequência
  • Praticar exercícios para melhorar a resistência física e acostumar ao calor

Eu acrescentaria também: procurar locais com boa ventilação e usar roupas confortáveis...

Como se diz em japonês?

sintomas de hipertermia: necchuushou (熱中症)

Posts Relacionados:

Comentários

comentário(s)