Foto: Associação da Amizade Internacional de Toyonaka (Osaka)

Foto: Associação da Amizade Internacional de Toyonaka (Osaka)

Os últimos dados do Ministério do Interior e Comunicações revelam quantos estrangeiros moram no Japão, em comparação aos japoneses.

 País de origemQuantidadePorcentagem
Total:128,05 milhões
1.Japão125,35 milhões (97,9%)
2.China460 mil(0,4%)
3.Coreia do Norte e Coreia do Sul423 mil(0,3%)
4.Brasil153 mil(0,12%)
5.Filipinas146 mil(0,11%)
6.Estados Unidos38 mil(0,03%)
7.Peru37 mil(0,03%)
8.Vietnã30 mil(0,02%)
9.Tailândia30 mil(0,02%)
10.Indonésia19 mil(0,01%)
11.Inglaterra10 mil(0,01%)
12.Outros302 mil(0,2%)

O que os números acima querem dizer? Que apenas 1,3% da população japonesa é composta por estrangeiros.

Treinamento com bombeiros. Foto: Associação Int. Tsuchiura

Treinamento com bombeiros. Foto: Associação Internacional de Tsuchiura (Ibaraki)

Vamos fazer uma breve comparação com países nos quais a população de estrangeiros é alta. Luxemburgo, por exemplo:

 País de origemQuantidadePorcentagem
Total:440 mil(100%)
1.Luxemburgo277 mil(63,0%)
2.Portugal59 mil(13,4%)
3.França20 mil(4,5%)
4.Itália9 mil(4,3%)
5.Bélgica15 mil(3,4%)
6.Alemanha10 mil(2,3%)
7.Outros50 mil(9,1%)

Rodeado por Bélgica, França e Alemanha, o pequeno Estado soberano de Luxemburgo tem uma economia altamente desenvolvida, com um dos maiores PIB per capita do mundo.

Outros exemplos de países com grande concentração de estrangeiros:

  • Alemanha: 10%
  • França: 5,5%
  • Itália: 2,3%
  • Canadá: 6,0%

Comentários

comentário(s)

Pin It on Pinterest