Esses deliciosos bolinhos brancos feitos de arroz fazem muitas vítimas na virada do ano

Mochi assado na brasa

No Japão é costume comer o “mochi” (bolinho de arroz) nas festas de virada de ano. Pode ser comido fresco, durante os eventos de “mochitsuki” (quando é sovado no pilão) ou em pratos variados como o “ozouni” (sopa de Ano Novo) ou “kagami-mochi” (empilhados em oferenda aos deuses).

Fácil de grudar na garganta, não é pouco o número de pessoas levadas aos hospitais, ao engasgar o pedaço de “mochi”.

Para evitar esses acidentes é recomendável cortar o mochi em pedaços pequenos e ingerir um copo de bebida quente antes de comer. A hidratação da garganta e a elevação da temperatura dificulta a aderência do mochi na garganta.

ASFIXIA COM ARROZ, BALA E PÃO

Mas o vilão das asfixias não é só o mochi. Segundo o relatório do Centro de Consultas do Consumidor, outros acidentes envolveram alimentos como arroz, bala e pão. Veja os principais motivos:
406: mochi
260: arroz
256: bala
238: pão
(relatório de 2006 a 2008)

O que acontece quando alguém se asfixia com o mochi? 

Para saber se uma pessoa está passando mal por engasgar o mochi preste atenção nesses sinais:
– a pessoa não consegue falar
– o rosto fica vermelho no início
– começa a apertar o pescoço com a mão

A primeira providência é ligar para o 119 (bombeiros). Até a ambulância chegar você pode tentar ajudar a vítima a expelir o mochi, batendo nas costas.

Outra forma é segurar a vítima pelas costas, pressionando na altura acima do estômago da vítima com as duas mãos, provocando movimentos para expelir o mochi.

Silvia in Tokyo

Posts Relacionados:

Comentários

comentário(s)

Pin It on Pinterest